sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

Uma Viagem nas Festas de Janeiro

||

Olá, comunidade!
Na última edição do quadro Uma Viagem, Lucas relembrou o começo do Club Penguin no YouTube. Para ver esse artigo, clique aqui. E na primeira edição do quadro, nós mostramos uma viagem no CP Premium, mostrando os layouts que o blog já teve. 

Agora, iremos viajar em um jogo falecido, o tal Club Penguin, que hoje chamamos de Club Penguin clássico. Que tal relembrar todas as festas que já passaram pelo mês de janeiro?



2006


A primeira festa que ocorreu no Club Penguin no mês de janeiro foi o Luau de Inverno. Como salas decoradas, tínhamos o Forte Nevado, Dance Club (da foto acima), e o Ancoradouro. 


Forte Nevado e Ancoradouro respectivamente.

O único item e também gratuito da festa, era o colar havaiano, que se tornou um item raro.


Duas curiosidades bem legais: A Penguin Band apareceu nessa festa com um membro desconhecido e o Dance Club dizia ALOHA na pista de dança. Essa festa acabou sendo mencionada no livro O Aprendiz de Inventor. 

2007

Para 2007, a equipe planejou uma Festa Mexicana, que teve apenas três dias de duração. Aliás, uma única música tocou em todos os cantos decorados da festa. 



        

Dance Club e as Maracas. O item Maracas era o único disponível na festa.



2008

Em janeiro de 2008, a equipe repetiu o mesmo tema. A Festa Mexicana 2008 durou 4 dias e possuía um item parecido com as Maracas. Eram as Maracas Festivas, que nada mais eram do que o próprio item recolorido com uma dança especial. Uma boa diferença, é que mais salas foram decoradas. 

(Maracas Festivas)












Em 2009, tivemos mais uma festa dessas, porém, não ocorreu no mês de Janeiro. Já pensou se a equipe realizasse essa festa como evento na Ilha do CP?


2009

Nesse ano a equipe realizou uma Festa da Dança, que durou 5 dias. Foi nesse evento que chegou a DJ Cadence para o universo do game, e o jogo Concurso de Dança. 

Para quem achasse Cadence na ilha, ganharia um plano de fundo dela. 


(Autógrafo da Cadence, primeiro plano de fundo da DJ)

Além disso, tínhamos o Som portátil, disponível apenas para assinantes.


A festa contou com poucas salas decoradas, sendo a grande novidade a Cobertura do Dance Club.






A cobertura do Dance Club, uma novidade na época. Só assinantes com o Passe de Acesso Ilimitado poderiam acessá-la. 

Essa festa ficou conhecida como festa para assinantes. Aliás, houve boatos de que essa festa tinha o intuito de substituir a Music Jam. 

2010


A primeira expedição da Ilha foi a Expedição Cavernosa, Seu objetivo era explorar as áreas marítimas e subterrâneas do Club Penguin. Durou 7 dias e contou com algumas salas decoradas. Foram entregues um pin e um plano de fundo, além do clássico capacete de mineiro.

 

O pin Ametista e o plano de fundo Recife de Corais respectivamente. Vale lembrar que o plano de fundo apenas assinantes poderiam obter.

Foram 4 salas decoradas.





Quando você estivesse na Caverna da Mina, ganharia o seu Capacete de Mineiro e então teria de começar as perfurações. Você iria encontrar um pedaço do cristal de cada vez. Você deveria se mover e perfurar 4 vezes até achar as quatro partes da ametista. Então, você poderia acessar o Lago Secreto, onde encontraria a Roupa de Mergulho Profundo por 50 moedas (apenas assinantes). Iria então para o Lago Secreto e teria de achar uma entrada para Debaixo d'Água (apenas assinantes). Dessa maneira, você receberia o Plano de Fundo Recife de Corais e a sua expedição estaria feita.

2011

A terceira expedição da Ilha abriu 2011. A expedição à natureza durou do dia 17 até o dia 30. 

Ela ficou marcada pela chegada do Puffle Marrom. Para conseguir chegar até a caverna deles era preciso passar por um labirinto na Natureza. Para os jogadores se localizarem dentre as diversas salas do labirinto, eles deviam encontrar ferramentas no percurso. Ao chegar no Penhasco, era preciso fazer funcionar uma máquina que levava o jogador até a Orla. De lá, ele poderia então pegar um barco até a Enseada e adentrar a caverna onde estavam os puffles. Para entrar no barco, o jogador precisava comprar um Colete Salva-Vidas, item para assinantes.

Da Ilha, foram decorados o Plaza, Ancoradouro e a Prainha. O Ancoradouro tinha uma placa indicando o caminho para realizar a expedição.


Seguindo o caminho, iríamos parar na Clareira, que oferecia um item grátis.


Tratava-se do chapéu de Expedição e antes do Club Penguin fechar, era considerado um item impopular, uma vez que poucas pessoas o utilizavam. Era muito difícil achar um jogador o utilizando.


Nessa festa, tínhamos um labirinto que o jogador necessitava descobrir a saída, chegando assim ao Penhasco. 


O intuito aqui era que o jogador resolvesse a máquina, e quando feito com sucesso, o elevador subiria levando o jogador à Orla.


Na Orla tinha um pequeno catálogo, ele só vendia um item por 50 moedas. Era obrigatório usar o item para subir no barco.

O barco, era você mesmo que construia. Era só juntar as partes no lugar certo, então a portinha abria. Após subir no barco você ia para a Enseada.


Ao chegar na Enseada, você tinha um caminho aberto dentro da Caverna para pegar o Puffle Marrom. 


Nessa sala, os assinantes poderiam adotar o Puffle Marrom e pegar o item de iglu Casa Marrom. Apenas assinantes podiam acessá-la, e sempre que quisessem, os jogadores poderiam retornar para essa sala durante a festa pela Prainha. Havia um barco na Prainha que possibilitava isso.


2012

Em 2012, mais uma Expedição para completar o Trio Expedição de Janeiro. Era a Expedição Submarina, a última a ocorrer no primeiro mês do ano. 

Ela durou 1 semana e foi causada por uma burrada de Rookie que tentou afundar a Praia, mas acabou afundando a Ilha inteira!

Durante a festa, um Labirinto Submarino foi descoberto. Devido à inclinação da ilha, Herbert escapou de sua caixa de vidro e dessa forma sua localização ficou desconhecida, sendo que ele retornou apenas em novembro do mesmo ano, meses mais tarde.

Rookie tentou afundar um pouco a Praia usando bigornas, mas foi só mais tarde que ele percebeu que "o resto da ilha estava grudado nela. Graças ao inclinamento, um "portal" para o mundo submarino revelou-se na Praia. Rookie prometeu que tudo voltaria ao normal até o dia 1 de fevereiro, a principal causa da pouca duração do evento.

Várias salas foram decoradas, mas a grande maioria apenas recebeu uma inclinação. Com exceção de algumas, como o Ancoradouro, Estação de Esqui, Praia, entre outras.


O Farol ficou inteiramente decorado! 

Bom, nessa festa tínhamos um labirinto que, quando concluído, levava os jogadores para as Profundezas. 



Nessa festa tivemos 4 itens grátis, sendo um deles um item para assinantes e outro um plano de fundo, que só seria entregue ao encontrar Rookie pinguinando pelo jogo. 


2013 e 2014

As festas de 2013 e 2014 foram quase idênticas. A Viagem Pré-Histórica era uma festa inédita em 2013, que levava os jogadores a época dos dinossauros da ilha. Nenhuma sala da ilha com exceção do Forte Nevado, foi decorada. 

Nessa festa épica, os jogadores assinantes poderiam se transformar em DINOSSAUROS! 


Ao entrar na Máquina, éramos levados à Máquina do Tempo e ali poderíamos entrar na era Pré-Histórica!



O objetivo da festa era fazer com que por meio das escavações, você encontre os 12 ovos e ganhar um item gratuito, que era a fantasia de dinossauro verde. 

Era possível encontrar o Gary nessa festa.

Na edição de 2014, a grande diferença era a chegada dos Dinopuffles. 


Aliás, diferente da primeira festa, a segunda contou com uma história. 

Em 9 de janeiro, uma mensagem em que se lia "Gary Socorro! Uga Uga!" apareceu no Forte Nevado. O Cara do Foguete advertiu que esta seria uma mensagem suspeita e pediu aos agentes para vasculhar o perímetro e procurar por pistas. Na edição #429 do Club Penguin News, Gary disse que a mensagem era um de antigo parente seu, Garuga, o Uga Uga. De acordo com o Gary, embora Garuga fosse um homem das cavernas, tinha uma mente de cientista. Gary achava que ele tinha deixado a mensagem para que os pinguins da Ilha a decifrassem no presente. Na edição #430 do Club Penguin News, Tia Arctic confirmou que era necessário viajar à Pré-história, pois Garuga precisava de nossa ajuda. Em 16 de janeiro, a mensagem foi cercada por faixas e a Máquina do Tempo apareceu ao lado. Havia uma mensagem dentro dela dizendo que ela estava sendo preparada.

2015

Desde 2013, as takeovers começaram a dominar a ilha e assumir os lugares das festas originais do jogo. 2015 já começou com o pé esquerdo. A primeira festa do ano foi a Star Wars: Rebels. 

Durante ela, todos os jogadores podiam ajudar Sabine, Ezra, Zeb, Hera e Kanan a impedir o Império de dominar o Club Penguin, enquanto assinantes podiam ganhar sabres de luz para batalhar entre e contra o Inquisidor.


A festa foi duramente criticada pelos jogadores, pela falta de salas decoradas. Porém, uma sala que quase compensou, foi o espaço. 


O mapa da festa


As áreas que não estão cobertas pela areia não foram decoradas. Foram entregues 24 itens gratuitos durante a festa, sendo eles entregues por meio das tarefas. 


2016

Em 2016, a Viagem Pré-Histórica retornou. Ela durou um mês e trouxe exatamente as mesmas salas da festa passada. Além disso, os mesmos itens foram reciclados. Novamente, foi uma festa muito criticada. Uma diferença, é que a máquina do tempo dessa vez estava no Ancoradouro. 

Porém, compensando isso, ela trazia um novo enredo. Ela foi uma continuação da Operação Crustáceo. Nosso objetivo era voltar a pré-história para resgatar fragmentos de energia e criar uma nova fonte de energia OVNI, que equipou a nave alienígena, possibilitando que os puffles alienígenas pudessem voltar ao espaço. 


2017

A festa de 2017 foi uma divulgação. Foi a penúltima festa do jogo. Tratava-se de uma divulgação do jogo Ilha do Club Penguin, que seria lançado dois meses mais tarde. Foram disponíveis 8 itens gratuitos na festa. 



No centro, jogadores podiam obter o Casaco de Aluno, que mostrava nas costas quantos anos o jogador tinha no jogo. 


Cada sala decorada da festa continha lençóis coloridos tampando alguma coisa, que só foi revelada mais tarde perto do fim da festa.


Dentro dos lençóis "haviam postos de informações" do novo jogo. 


Esse era o diálogo que aparecia quando você clicava no "posto de informação" na Floresta.


2018


A comemoração Multicor acontecerá aproximadamente no final de Janeiro. Ela irá acontecer porquê um fenômeno raro conhecido como migração multicor estará acontecendo na Ilha. 


Não sabemos ainda os itens que serão entregues, mas uma Boia de Unicórnio estará disponível provavelmente para assinantes.




E fico por aqui. Espero que tenham gostado de mais uma edição do Uma Viagem! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário